Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Blog_Real - O Blog das Monarquias

Siga as actividades da realeza e fique a conhecer melhor as monarquias da Europa e do Mundo.

Blog_Real - O Blog das Monarquias

Siga as actividades da realeza e fique a conhecer melhor as monarquias da Europa e do Mundo.

Victoria da Suécia em entrevista ao Frankfurter Allgemeine

01.02.14, Blog Real

Victoria da Suécia concedeu uma entrevista ao diário Frankfurter Allgemeine na sequência de uma visita oficial de dois dias que realizou no final de Janeiro com o marido, o príncipe Daniel, à Alemanha. A herdeira acredita que a filha, a princesa Estelle, que completa dois anos no próximo dia 23 de fevereiro, não terá problemas em aprender o seu papel perante a sociedade. “Creio que é algo que acontecerá de forma natural. Deve aprender a viver com essa situação. Espero que possamos proporcionar-lhe uma infância segura e cheia de amor para que tenha o melhor início de vida possível, uma base estável. E espero que seja uma criança, uma pessoa que veja as coisas como elas são”, disse.

A filha mais velha dos reis Carl Gustaf e Sílvia confessou que está encantada com a maternidade e sublinhou que Estelle gosta de ouvir as histórias da Pipi das Meias Altas, a popular personagem criada pela escritora sueca Astrid Lindgreen, à noite. “Quando somos mães, é-nos permitido ler livros infantis novamente. É como reviver a infância outra vez”, explicou.

Referindo-se à monarquia, a princesa declarou que esta funciona como “força unificadora” na Suécia, o que implica que a família real seja contida a tratar de questões políticas. “Por esse motivo é que somos neutros. É assim que deve ser. Vejo e penso as coisas, mas há certos temas sobre os quais não opino. Temos que ser prudentes”, disse.

Apesar de achar que os escândalos divulgados pela imprensa sueca sobre os alegados casos amorosos do seu pai foram duros, Victoria mostra-se contente com o seu papel e afasta a hipótese de o rei Carl Gustaf abdicar do trono. “O meu pai continuará a ser chefe de Estado durante muitos anos. Eu estou focada nas minhas obrigações enquanto princesa herdeira”, acrescentou. 

Laurentien esteve em Portugal

01.02.14, Blog Real

A princesa Laurentien deu uma entrevista à revista VIP.

Acredita que as crianças têm respostas para muitas perguntas, até para as mais complexas. Por isso, na Conferência I nternacional sobre Literacia Social, em Mafra, Laurentien da Holanda reafirmou o seu papel. “O desenvolvimento sustentável é uma prioridade urgente da Humanidade e acredito que a educação é o meio para lá chegar”, afirmou a princesa à VIP, realçando que estes dois objetivos são a “missão” da sua vida.


A enviada especial da Unesco criou a Fundação R eading & Writing e a Missing C hapter, que confronta os conselhos de administração das empresas com grupos de crianças, para lhes dar uma nova perspetiva. “É incrível o que sai destas reuniões porque as crianças têm uma forma circular de pensar e conseguem surpreender os adultos, é mágico.”


É também por esta razão que escreve livros infantis sobre questões ambientais e valores sociais. Mãe de três filhos, sempre tirou tempo para incentivar o gosto pela leitura. “Existem crianças diferentes, nem todas têm a mesma motivação intrínseca e um dos meus filhos, não digo se ele ou ela porque não quero identificá-lo, demorou mais tempo a adquirir o gosto pela leitura e a aprender a ler, mas agora lê todos os dias antes de se deitar, o que acho fantástico”, diz, realçando que é “vítima” da sua forma de pensar porque “felizmente, os meus filhos são muito curiosos, incentivamo-los desde sempre a intervir, a combater a timidez natural”.


A cunhada do rei da Holanda, coroado no ano passado, admite que é difícil conciliar o facto de ser membro da família real com tudo o resto, mas que acaba por fazer o mesmo que muitas mulheres. “Na Holanda, a família real não recebe financiamento do estado, temos a nossa vida profissional, portanto isto é o meu trabalho.


Os dois papéis são dimensões diferentes da minha vida, é uma vida preenchida, como mãe, como profissional, mas funciona”, diz, realçando que Will em Alexander “continua a ser a mesma pessoa e está a fazer um excelente trabalho”.

 

Fonte: www.vip.pt